AUTORIDADES PROPÕEM O FORTALECIMENTO DA REDE SÓCIO ASSISTENCIAL DE ATENDIMENTO PARA PESSOAS VÍTIMAS DE VIOLÊNCIA

A pandemia de Covid-19 foi um dos fatores que provocaram aumento da violência no Brasil, o país registrou 105.821 denúncias de violência contra a mulher no ano passado, segundo relatório divulgado pelo Governo Federal.

Infelizmente, em Frutal a situação não é muito diferente e os casos de violência também aumentaram consideravelmente. Por isso, foi realizado um encontro na sede da Secretaria Municipal de Saúde, que reuniu representantes do Poder Judiciário, da Polícia Militar, do Hospital Municipal Frei Gabriel e gestores e servidores das Secretarias de Saúde e de Assistência Social do município para debater as ações e estratégias mais humanizadas para o atendimento de pessoas que foram vítimas de qualquer tipo de violência em nosso município.

Conforme lembra a secretária de Saúde, Lamonise Ribeiro, o objetivo foi fazer um realinhamento da rede sócioassistencial já existente no município de maneira a oferecer aos usuários vítimas de qualquer tipo de violência ou em situação de vulnerabilidade um atendimento mais humanizado. “Discutimos a necessidade de retomar as reuniões da rede que vão acontecer toda última quinta-feira do mês e de agora em diante, vamos definir os protocolos, fluxos e processos de acolhimentos destas pessoas, tudo visando uma assistência mais acolhedora a estes usuários”, destaca.

Para a secretária de Assistência Social, Nayara Aparecida Silva, é fundamental estabelecer um contato mais próximo entre as pessoas e os profissionais envolvidos na rede sócio assistencial do município. “Nossos setores assistenciais fazem um trabalho amplo que está interligado à saúde. Nossa intenção é melhorar ainda mais o atendimento e auxiliar as pessoas que tanto necessitam de nós”, afirma.

A Promotora de Justiça Angélica Pollyana Queiroz Medeiros acredita que o trabalho em rede com o envolvimento e a participação de todos os órgãos é de fundamental importância para solucionar as situações de violência ou vulnerabilidade que o indivíduo esteja enfrentando. “Em Frutal, esse trabalho já existe e é bem desempenhado e essas reuniões em rede precisam ser reforçadas e terem continuidade para o bem dos usuários”, afirma.

Foi vítima de violência, saiba como denunciar.

O Governo Federal oferece os seguintes canais de denúncia:

Disque 100
Ligue 180
Mensagem pelo WhatsApp no número (61) 99656-5008