Candidatos ao Conselho Tutelar participam de reunião organizada pela Secretaria de Promoção Humana

A Secretaria de Promoção Humana realizou na tarde de terça-feira (24), no Edifício Executivo, Sala 705, uma reunião com os 12 candidatos a Conselheiros Tutelares que vão disputar a eleição para o mandato 2020/2023. Na oportunidade, a titular da pasta, Suely Faria Maia apresentou aos candidatos o modelo da Cédula de Votação e passou algumas orientações sobre a campanha eleitoral e as regras da votação que vai acontecer no dia 06 de outubro na Escola Municipal Frei Teodósio (Frutal) e na Escola Antônio Aparecido de Queiroz (Aparecida de Minas).

Suely Maia informa que poderá votar todo eleitor de Frutal que estiver portando um documento pessoal com foto e o Título de Eleitor. Ela esclarece que o nome que não constar na lista fornecida pelo Cartório Eleitoral até o dia 05 de julho de forma alguma será aceito pela Comissão Organizadora da Eleição. Na reunião, foram também tiradas dúvidas dos candidatos a respeito da campanha irregular que deverá ser comprovada dois dias antes do pleito. “Nesse caso, o Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente vai definir com relação a eventuais denúncias”, destacou. 

De acordo com Suely, até o momento a campanha eleitoral tem atingido as expectativas, pois nenhum incidente foi registrado e a divulgação dos candidatos foi feita de maneira igualitária respeitando o que determina as regras do pleito. A Secretária aproveitou para convidar a população para que exerça a sua cidadania votando na cédula que obedece a ordem numérica de 01 a 12. A pessoa poderá votar na quantidade que desejar desde que não exceda 05 candidatos, caso contrário, o voto será anulado. “Serão eleitas as pessoas que vão cuidar e zelar pelos direitos das crianças e adolescentes da nossa Comarca”, lembrou.

Ainda segundo Suely, os candidatos poderão pedir votos até a meia noite do dia 05 de outubro. A partir de então, não será permitida nenhuma campanha, principalmente nas proximidades da escola Frei Teodósio e Antônio Aparecido de Queiroz, jogar santinhos e fazer boca de urna. Para isso, a Comissão Organizadora estará o dia todo eleição fazendo a fiscalização necessária durante a eleição. “Alertamos os candidatos que caso desrespeitem as normas, poderão até ser eleitos, mas não irão tomar posse”, advertiu Suely.

A apuração das urnas será feita logo após a votação que vai acontecer das 8h às 15h na Escola Municipal Frei Teodósio. No local, serão disponibilizados 22 mesários servidores municipais que vão auxiliar as pessoas que tiverem alguma dificuldade na hora do voto. No entanto, Suely esclarece que não será admitida qualquer influência deles no ato da votação. “Esse cuidado é também em respeito ao pleito em Frutal que se manteve tão tranquilo até o instante”, afirmou Suely