Homem com mais de 30 passagens pela polícia é morto a facadas em Uberlândia

Um homem de 32 anos foi encontrado morto no Bairro Umuarama, em Uberlândia, nesta quarta-feira (5). De acordo com a Polícia Militar (PM), a vítima, que tinha mais de 30 passagens pela polícia, foi esfaqueada. O suspeito, que também tem ficha criminal, foi preso e confessou o crime.

O homicídio ocorreu por volta das 22h, na Avenida Arlindo Massaro, cruzamento com a Avenida Pará. Os militares contaram que, ao chegar ao local, encontraram o homem caído no chão e sangrando.

Após avaliação, o médico da equipe do Sistema Integrado de Atendimento a Trauma e Emergência (Siate) constatou que a vítima estava morta e apresentava perfurações, possivelmente de faca, pelo corpo.

Segundo uma testemunha, a vítima e o autor estavam discutindo e, em determinado momento, o suspeito pegou uma faca e golpeou o outro. Também foi dito que a vítima tentou correr, mas o autor o perseguiu e continuou a agressão.

Após o crime, o autor fugiu em uma bicicleta sentido Bairro Umuarama. Com as informações repassadas pela testemunha, a polícia iniciou as buscas e encontrou o suspeito na Rua Amazonas com a Rua Arlindo Massaro, no mesmo bairro.

O homem confessou o crime, disse que usou uma faca para golpear a vítima. Ainda, a motivação seria uma possível ameaça de morte por parte da vítima. Ele contou que jogou a arma em um matagal.

Diante dos fatos, o homem foi preso em flagrante por homicídio e encaminhado à delegacia de plantão na cidade. Conforme o tenente Marcos Vital, ambos envolvidos tinham passagens pela polícia.

“Foram colhidas informações no local que a vítima e o autor já tiveram outros desentendimentos em datas passadas e hoje ocorreu outro. Eles são velhos conhecidos pela polícia. A vítima, por exemplo, tem trinta e duas passagens registradas na PM. O autor tem oito”.